Home Notícias Licença de Jogo da Full Tilt Poker Suspensa pela AGCC
Full Tilt PokerO universo do poker sofreu mais uma oscilação quando na passada semana, a AGCC (Alderney Gambling Control Commission) suspendia a licença de Full Tilt Poker e com isso a respectiva actividade.

Segundo os relatos, tudo foi interrompido quando os jogos decorriam normalmente no site.

Em comunicado, a AGCC explicava a situação e justificava as suas acções: "A AGCC informou da norma 46 da sua legislação a Vantage Ltd, Oxalic Ltd, Filco Ltd e a Orinic Ltd, também reconhecida como FULL TILT POKER. Mais ainda, a AGCC ordenou a pronta cessação de todas as actividades da empresa ao abrigo da norma 47.

Tal deve-se a uma averiguação iniciada a 15 de Abril depois do U.S. Attorney General’s Office de Southern District of New York ter interposto contra a sala. Como resultado, a AGCC concluiu que a sala violava de facto o regulamento e foi obrigada a agir.

Mais ainda, a AGCC explicou que a Full Tilt deverá suspender as actividades de registo de novos clientes, não pode aceitar depósitos de clientes nem autorizar o levantamento de dinheiro das contas.

Os jogadores estão igualmente impedidos de participar em qualquer jogo ou transacção através do site. Perante esta notícia, desenrolou-se um turbilhão de notícias e comunicados que foram preenchendo a manhã; a Moneybookers enviava um email aos clientes a informar que deixava de cooperar com a Full Tilt Poker devido a motivos de segurança.

Alguns minutos mais tarde, também a Man Gambling Supervision Commission emitia um comunicado onde explicava que a situação corrente nada afectaria a sala da PokerStars.

A própria PokerStars (também em comunicado) explicava que os jogadores em nada precisavam de se preocupar pois o dinheiro das suas contas estava seguro e o funcionamento no site não havia sido afectado.

No comunicado da PokerStars podia-se ler: “ Desde que o Departamento de Justiça Americano agiu em Abril passado, já devolvemos mais de $120 milhões a jogadores norte-americanos. Mostramos vontade de continuar a agir de acordo com os pedidos.

Nenhum jogador fora dos EUA foi afectado e todos os pedidos de levantamento foram efectuados.

Saliente-se ainda que segundo o recente acordo formalizado com o Departamento de Justiça, a PokerStars apresenta toda a legitimidade para operar fora dos EUA.” Sendo que a “Sexta-feira negra” de Abril passado deu muito que falar, esta medida não trará certamente menos notícias ao universo poker pelo que se espera mais desenvolvimentos nos próximos dias.
(C) Poker.pt 
Mais informações - Contacto   Pôquer  |  Sitemap  |  Jogo Responsável